Como se organizar para iniciar o ano sem dívidas!

2018 está passando mais rápido do que você imaginava e a sensação que tem é que não fez nada com o seu dinheiro a não ser pagar dívidas? Então você não se planejou direito e os gastos cada vez mais estão maiores que os ganhos, certo?

A verdade é que todo mundo gostaria de ter uma vida financeira bem organizada e ter menos preocupação com as contas, mas como fazer isso? Com um pouco de cuidado e seguindo nossas dicas é possível colocar as contas em dia para começar seu ano sem dívidas.

Conheça as despesas e ganhos

O primeiro passo é identificar os gastos. Crie uma planilha com anotações de tudo o que você e sua família tudo o que ganha e tudo o que gasta. Você pode comprar um caderninho para anotar todas as despesas fixas e as extras. Dessa maneira é possível ter uma visão melhor de como o seu dinheiro está sendo gasto.

Você também pode usar um aplicativo ou uma planilha do Excel. Essa organização ajuda a não se perder nas suas dívidas que precisam ser pagas e ajuda a cortar o que é supérfluo.

Corte gastos não essenciais

Após conhecer suas dívidas e ganhos, é preciso identificar o que realmente apresenta risco para sua saúde financeira. Selecione as despesas que você pode cortar e que não vão fazer falta no dia a dia.

Para te ajudar a identificar as despesas que fazem seu orçamento mensal triplicar, normalmente elas são provenientes de festas em excesso nos finais de semana, compras exageradas ou até mesmo gastos no salão de beleza.

Quite as dívidas

A palavra chave para começar a quitar as dívidas é: negociar. Após identificar todos os gastos e cortar o que é supérfluo é possível, com o que você conseguiu economizar, pagar as dívidas.

Você deve entrar em contato com quem deve (bancos, lojas ou amigos), saber o valor total da dívida, incluindo taxa de juros, encargos e multas e tentar um novo acordo.

Se você puder pagar as dívidas à vista é melhor fica ainda mais fácil de se conseguir descontos no acordo, mas caso você não possa, faça parcelas que caberão em seu orçamento. Isso evitará que você forme dívidas novamente.

A maioria dos trabalhadores recebem, no final do ano, o 13º salário, bônus e gratificações. Você pode usar esse dinheiro extra para eliminar de vez todas as dívidas. Caso você já não tenha mais dívidas, vale poupar esse dinheiro e utilizar com as despesas de começo de ano.  

Quando o ano começar evite compras a prazo. É fundamental usar sua planilha para identificar os possíveis gastos para o novo ano, como uma viagem, uma reforma ou um curso e se programar financeiramente.

AVISOS

Alguma dúvida? Faça um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *